Pular para o conteúdo principal
Sinta.

Sinta o seu. Sinta o meu. Sinta o agora, o antes e o depois.
Apenas sinta. Nem que seja sentir muito.
 Avida é um obstaculo voador que passa e repassa. Vem não vem e quando vem, vem com tudo. São sucessões de casos e descasos sem propósito, ou não. Tudo está, tudo é, tudo tem que ser. E este generalismo me incomoda.

Ao tentar escrever sobre algo que dura milhares e zilhares de segundos (e todos nós sabemos quanto um segundo pode durar muito) eu nada mais faço do que generalizar.
É Tudo, é nada, é sim e não. É o certo e errado, bom e mau. Santa dicotomia que nos faz balançar. Tais dualidades apenas servem para nos fazer balançar e equilibrar como um malabarista louco cordão da vida. No fundo, as vezes nem tão fundo assim, nós gostamos, adoramos, essa dicotomia toda. Esse julgamento e segmentação. Somos assim, nossa tendencia é esta. Fazer o que?
Porém - a, porém- o malabarista um dia cansa. Cansa de tanto se equilibrar... e poxa, já parou para pensar o quanto o "bem e mal" pesam? O quanto esses conceitos julgadores danificam nossa coluna? "Carregar tanto peso nas costas dá probleminha" - Já dizia o médico. E o que acontece ? Merda... o mamute vira merda. Ao menos normalmente...
Quando o peso da vida e do tudo e do nada esgotam (e olha que são pesos criados por nós) há a queda. Queda esta que pode servir para mil coisas, inclusive como boa experiencia para conseguir aguentar mais tempo... mais tempo até a nova queda. No final você apenas fica resistente... Mais duro. Rígido. Carrancudo.Sem sal e sem graça. Pode começar a ver tudo como uma obrigação. Normalmente perde o gosto de estar se equilibrando e se equilibra porque é a única coisa que sabe fazer.
Há também a queda não por cansaço, mas sim pela perda dos pesos. Tente analisar alguma vez que conseguiste realmente não julgar. Ou melhor, entendeu ambos os lados e viu que a face nada mais é do que um lado da mesma moeda.  Lembrou? Lembrou da sensação de vazio? Não estou falando algo que você não pensou direito e apenas entendeu que há dois lados certos e errados. Estou falando do momento em que você deixou de visualizar um lado que você achou certo para compreender que ambos o são. To falando deste tapa na cara. Então, nessa hora você cai. Cai e repensa sua vida. Seu modo de viver. Você para momentaneamente de se equilibrar para tentar ver uma forma melhor de equilíbrio... visto que seus pesos já não o cabem mais. Depois disso volta tudo aos conformes e na mesma situação. Até você se colocar fora da zona de conforto.

Agora, já imaginou estar fora do equilíbrio? Quem está fora de equilíbrio é apenas um alucinado, você me diz. Mas e o livre arbítrio? E o poder de escolha? E você criador de seu mundo? Já pensou nas possibilidades existentes em um, apenas um, momento de análise durante seu trajeto torto em busca do equilíbrio? Já parou para ver o final de sua jornada? Não conseguiu? Por favor, não pare na morte. É vago demais. Chato demais.Simples demais. Não se deixe parar nisso.

Eai, o que tirar desta analise. Você quer cantar Rei Leão e mandar "o ciclo sem fiiiim"? Não. Mas o que prende? prende a mim, a você e a nós. Esse ciclo não necessariamente redondo de quedas e levantes torna tudo mais simples, mas chato. Voce corre para não chegar a lugar nenhum. Se prende a uma realidade para nada fazer com ela. e anda balançantemente pela linha da verdade criada por voce e baseada em seus julgamentos. Faz o bêbado e o equilibrista. Por vezes bêbado demais ou outras mais equilibrista. Pode até curtir o seu equilibrio. Mas não se pergunta o envolta.

Com essa sensação fecho meu dia. O caminho tá muito bom. Tá muito bem. Olho pro meu umbigo e mergulho nele. E fico neste loop sem fim. Até que paro e penso. Por que não voar?

E com isso, voo. 


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Teste das cores

Well, gostei desse teste e descobri que sou auto determinista vigilante. Levnado em consideração que realmente sou MUITO determinista gostei:B

Como você opera, age, frente aos seus objetivos e desejos:
Preocupado com coisas de natureza intensamente excitante, sejam elas estimuladas pelo erotismo ou por outro meio qualquer. Quer ser considerado como personalidade vibrátil e interessante, exercendo influência total, encantadora e impressionante. Usa táticas inteligentemente para não prejudicar suas possibilidades de sucesso, ou solapar a confiança que sabe conquistar.

Quer causar impressão favorável e ser considerado como personalidade especial. Portanto, está constantemente alerta, para ver se está obtendo êxito nesse objetivo e como os outros estão reagindo; isto o faz sentir que está controlando. Usa táticas inteligentemente para obter influência e reconhecimento especial. É suscetível ao estético ou ao original.

Suas preferências reais:
É dócil e adaptável. Só está em paz quando intimame…

O que são Devaneios Epifânicos?

Significado de DEVANEIO:
Estado da pessoa que divaga ou se deixa levar pela imaginação, pelas lembranças ou pelos sonhos.
Sonho; o que resulta da fantasia; quimera ou ficções.
Delírio; ausência de razão.
Esperança vazia; crença sem fundamento.
(Etm. do espanhol: devaneo; forma regre. de devanear)

Significado de EPIFANIA:
Religião. De acordo com o cristianismo, revelação de Deus; manifestação de Deus através de Jesus Cristo.
P.ext. Religião. Em certos cultos, a revelação do que é divino ou de qualquer divindade.
Religião. Festa comemorada no dia 6 de janeiro, em louvor aos reis magos, primeiro indício da vinda de Cristo.
Figurado. Intuição ou percepção manifestada a partir de algo inesperado; revelação.
(Etm. do latim: epipháneia.as)


Ler todos os "Devaneios Epifânicos" que já tive só chego a conclusão na recorrência de andar entre uma corda bamba entre o devaneio e a epifania.

E eu os adoro. ^^

Devaneio politicamente incorreto.

Enfim, estou eu aqui sentada, com pes em cima da mesa, ventilador na minha cara e ouvindo mademoiselle k nua. Fico emocionada como em certas oportunidades da vontade de fumar. Não costumo ter vontade sempre, não é aquela coisa de "meu preciooooso", é mais uma coisa de momento. Como agora, isso estaria combinando perfeitamente com a sensação que o tabaco e suas 2100 substancias fazem ao meu corpo. Quase um orgasmo instantaneo, fica mole, calma, relaxada, feliz... ta nao é prazeroso quanto, mas é muito bom... os dois juntos é melhor ainda =))
Bem sério, resolvi entao criar um top 10 politicamente incorreto....

As 10 melhores ocasiões para se fumar (6)

1- Depois do sexo -- Sem duvida alguma é a melhor ocasião, depois de um orgasmo *-*
2- Praia -- Na pedra do arpoador exatamente.... é bom saks, o cheiro mistura com o mar e a sensação q ele causa
3- No bar -- Cerveja e cigarro combinam perfeitamente
4- Ouvindo musica -- Ta, esse daqui depende da musica. Aquela q faz vc viajar na maion…